Terça-feira, 31 DE Janeiro 2012

A jornada iniciou-se no sábado com o Benfica a visitar Santa Maria da Feira para defrontar o Feirense. Estranhamente, a equipa da casa pediu para jogar em Aveiro (onde tinha jogado com o Porto e Sporting quando o seu campo ainda estava em obras) e mesmo com a concordância do Benfica, a Liga não deixou. O Benfica dominou toda a primeira parte e colocou o guarda-redes da casa em alguns apuros, mas chegou ao intervalo com tudo a zero. No reinício, o Feirense marcou, mas o árbitro já havia apitado por suposto fora-de-jogo que não havia existido (já ouvi a versão que foi marcada falta por jogo perigoso por parte do jogador do Feirense, mas não vi isso). Depois do protagonismo do árbitro, logo depois, aparece a figura da noite.. Varela, defesa central do Feirense, marcou golo aos 52’, marcou auto-golo aos 55’ e fez penalty sobre Rodrigo aos 72’. Cardozo converteu e deu a vitória ao Benfica. Embora com influência do árbitro, o Benfica foi o mais forte e quem mais fez para ganhar.

No domingo à tarde, o Sporting recebeu o Beira-Mar e conseguiu a primeira vitória do ano! Resultado muito importante, ainda para mais, quando Braga e Marítimo se defrontaram e o Sporting conseguiu manter a perseguição aos bracarenses, mantendo-se a 5 pontos e ficando com mais 3 que o Marítimo. Quanto ao jogo, o Sporting conseguiu quebrar a barreira defensiva dos aveirenses com dois lances de bola parada e o central Oniweu marcou de cabeça aos 18’ e aos 28’. Mesmo sendo um central com algumas deficiências a defender, é muito forte a atacar e é o melhor central que o Sporting tem desde á muitos anos.. O resto do jogo foi lento e fraquinho.. Ainda assim, na segunda parte, o Beira-Mar conseguiu uma bola ao poste e outra à barra! De qualquer modo, a equipa mais forte, ganhou e ganhou bem!

Imediatamente após esse jogo, o Porto foi a Barcelos. O Gil Vicente jogou bem, o Porto jogou mal e o árbitro foi completamente desastroso e conseguiu fazer a pior exibição da época em termos de arbitragem! O Gil Vicente entrou bem e aos 15’ adiantou-se no marcador. Quando o Porto tentou (tenuemente) responder, Defour é abalroado na área gilista e nada é marcado. Quase em cima do intervalo, ninguém viu um fora-de-jogo relativamente fácil de ser visto, na sequência da jogada, Otamendi desvia a bola com o braço e dá penalty que o Gil aproveita para fixar em 2-0 ao intervalo. Logo no reatamento, nova intervenção muito infeliz do árbitro ao deixar passar mais um penalty quando Kléber é rasteirado pelo guarda-redes.. Logo depois, em contra-ataque, o Gil Vicente eleva para 3-0 num grande golo. Na segunda parte, o Porto melhorou, mas pouco mais fez que marcar o tento de honra por Varela aos 75’. Exibição terrível do árbitro que influenciou em muito o resultado, embora a melhor equipa tenha mesmo sido o Gil Vicente.

publicado por Spaceship às 10:06
Segunda-feira, 30 DE Janeiro 2012

Meus Caros,

 

Sem querer substituir ao Spaceship que sempre aqui regista a crónica da jornada, não podia deixar passar em branco o que se passou esta jornada na Liga Portuguesa. Desde 4ª feira passada que alguns me tinham feito notar para as conversas que existiam, campos pequenos que deviam ser efectuados os jogos noutros estádios etc etc, e depois as nomeações: Rui Costa para Stª Maria da Feira e o célebre Bruno Paixão para Barcelos. Pois, o circo estava montado e foi um festival.

No sábado, entre as normais agressões do Javi Garcia, que são definidas como jogo agressivo, passando por outra agressão do Artur, depois de idêntico gesto no estádio do Dragão, terminando numa agressão do Maxi Pereira que fica pelo amarelo, ao que se deve juntar um escandaloso fora de jogo que invalida um golo ao Feirense e que por acaso levaria ao 2 - 0 para a equipa da Vila da Feira. O SLB acaba por vencer com um auto golo e um penalti.

Depois domingo seguia-se para Campo Maior... perdão, para Barcelos. E ai o festival foi total. Sem contar com as inúmeras decisões duvidosas e com critérios duvidosos a meio campo, como por exemplo a falta que deu origem ao primeiro golo, há "apenas" 4 decisões com influência directa no resultado, senão vejamos:

  • Penalti claro sobre Defour, com o arbitro a 1,5 metros;
  • Fora de jogo escandaloso no lance do cruzamento para o penalti assinalado aos 44 min, e que deu origem ao 2º golo do Gil. O fiscal de linha estava a menos de um metro;
  • Penalti claro sobre Kleber, aos 48min, o mesmo fiscal de linha que assinalou o penalti do Otamendi, nada vê agora;
  • Aos 54 min, cruzamento de Varela, gr do Gil defende e sai do campo. O mesmo fiscal de linha das duas anteriores decisões nada assinala, o gr lance o contra ataque que resulta num bom golo, o 3º de Gil.

Ora, tudo isto, tendo em conta os actores principais não é grande surpresa. Pensei que não seria tão claro. Foi uma tentativa de aniquilar o campeonato, acredito que não foi conseguida, mas quase.

Felicito ainda, e provavelmente pela primeira vez o Vitor Pereira. Assumiu um mau jogo da equipa, mas disse com todas as letras a vergonha que se passou em Barcelos. E dadas as circunstancias, e as ocorrências do jogo, acredito que nem o melhor FCP iria vencer aquele jogo.


Até breve

publicado por AR às 10:52
Terça-feira, 24 DE Janeiro 2012

A jornada iniciou-se no domingo à tarde Dragão com o Porto a receber o Guimarães. O jogo foi bastante bom com as duas equipas a procurarem ganhar (pelo menos enquanto o resultado esteve em aberto) e com o perigo a rondar sempre as duas balizas. O jogo começou dividido e bem disputado, com ambas as equipas a repartirem as oportunidades de golo durante a primeira parte. Ainda assim, quem se destacou foi o Porto e logo aos 19’, tivemos um dos melhores golos da época, com Rolando a mostrar aos melhores pontas de lanças como se recebe e se marca de primeira. Os primeiros 10’ da segunda parte foram avassaladores para o Porto que marcou logo aos 46’ por Moutinho e podia ainda ter ampliado a vantagem em mais dois ou três lances. O Guimarães ainda reduziu por Faouzi aos 59’ e o jogo voltou a ser repartido, mas aos 77’, James sofre um penalty e converte-o retirando qualquer hipótese aos visitantes de discutir o resultado. Grande jogo e resultado justo para os melhores em campo!

Seguiu-se o Benfica que recebeu o Gil Vicente. Os visitantes entraram muito concentrados e a defender de forma muito competente, permitindo apenas lances de perigo em lances de bola parada. Num desses lances, aos 27’, Cardozo cabeceou para o primeiro golo. Mas os visitantes não acusaram o golpe e continuaram a jogar muito disciplinados, sendo recompensados aos 40’ após um pontapé de canto, a bola e aliviada e à entrada da área,  Rodrigo Gallo enche o pé e faz mais um golaço, empatando o jogo. No reatamento, o Gil quase passava para a frente, primeiro numa jogada rápida anulada por uma excelente defesa de Artur e depois com um livre indirecto dentro da área (mal assinalado porque Witsel nunca fez um atraso, mas com erro para Artur que tinha tido tempo para pontapear a bola em vez de a agarrar). Não aproveitou o Gil, aproveitou o Benfica que em 2’ marcou dois golos, primeiro Rodrigo aos 73’ e depois Aimar aos 74’, e arrumou com o jogo. Resultado justo.

Na segunda, o Sporting foi a Olhão. Embora o jogo tenha sido fraco, houve várias oportunidades de golo para ambas as equipas e só alguma falta de pontaria dos avançados de ambos os lados (nomeadamente Wilson Eduardo, Cauet, Jenfren e Carrillo) e um punhado de boas intervenções de ambos os guarda-redes é que mantiveram o nulo até final. Talvez o jogador em maior destaque tenha sido mesmo Rui Patrício, seguido de muito perto por Fabiano. O empate foi o resultado mais justo embora o jogo pudesse ter terminado com a vitória a qualquer uma das equipas. O Sporting continua sem conseguir ganhar em 2012 e para além de deixar o Braga fugir no 3º lugar, já está empatado com o Marítimo numa animada luta pelo 4º e 5º lugar!

publicado por Spaceship às 22:56
Terça-feira, 17 DE Janeiro 2012

A primeira equipa a entrar em campo foi o Benfica que recebeu o Setúbal e começou mal com Neca a inaugurar o marcador para os visitantes logo aos 6’. O Benfica pressionou mas só chegou ao golo aos 25’, por Nolito. Os cinco minutos seguintes foram frenéticos com Neca em evidência ao tirar uma bola em cima da linha de golo e depois ao acertar no poste de Artur, mas logo depois, Cardozo colocou o Benfica em vantagem aos 33’. Em cima do intervalo, o mesmo Cardozo colocava o marcador em 3-1. A segunda parte foi mais calma e com o Benfica sempre superior e a controlar.. Ainda deu para Matic marcar aos 72’ e Cardozo ser expulso aos 84’. Vitória justíssima.

Seguiu-se o Porto que recebeu o Rio Ave. Os forasteiros entraram a defender com tudo e o Porto carregou muito nos primeiros 20’, mas sem grande mossa. Após esse forcing inicial, o Porto abrandou e o Rio Ave tentou contra-atacar, mas sem causar grande perigo. Antes do intervalo, James Rodriguez faz uma excelente jogada e marca o primeiro do jogo. Na segunda parte, o jogo continuou a ser totalmente dominado pelo Porto (com uma correria ineficaz aqui ou ali de um jogador do Rio Ave) e sem surpresa, James Rodriguez ampliou para 2-0 aos 80’. Já nos descontos, Rolando viu o vermelho directo. Vitória justíssima.

Por fim, o Sporting foi a Braga lutar pelo 3º lugar. O Braga começou bem melhor e criou as melhores oportunidades de golo, mas sem as concretizar. No último quarto de hora, o Sporting conseguiu-se impor e criar alguns lances de perigo, mas igualmente ineficazes. No reatamento, Matias Fernandes acertou no poste, mas quase na resposta, aos 51’, Helder Barbosa marca após um cruzamento em que milagrosamente a bola passou pelo meio dos 4 defesas sportinguistas. O Sporting tentou carregar, mas aos 64’ e em contra-ataque, Lima ultrapassa todos e marca o segundo. O Sporting voltou à carga e ainda reduziu por Carrillo aos 74’. Até ao final quem esteve mais perto de marcar voltou a ser o Braga, nomeadamente num livre indirecto dentro da área após Patrício agarrar com as mãos mais um atraso de um colega. Novamente, vitória justíssima.

Duas notas finais.

Primeiro, para o facto de os dois primeiros terminarem a primeira volta imbatíveis, algo que deve ser único. Tal como o facto de o Porto estar apenas a 2 jogos de bater o record de invencibilidade do Benfica.

Segundo para o Sporting que em 4º lugar e a 11 pontos do primeiro perdeu a luta pelo campeonato e arrisca-se a perder a luta pelo 3º lugar que este ano dá acesso à Champions! De salientar que do meio da tabela para cima, o Sporting apenas ganhou ao Guimarães!!! De salientar ainda a quantidade de livres indirectos que sofreram por Patrício agarrar atrasos!!!

publicado por Spaceship às 00:45
Domingo, 15 DE Janeiro 2012

Meus Caros,

 

O meu amigo spaceship que me perdoe, mas parece-me que as duas grandes não novidades da semana que agora termina não foram as que ele elencou. Eu apostava em dois casos curiosos, a saber:

O slb mais uma vez, na época de transferências de janeiro contrata um jogador de uma equipa contra com que vai jogar nessa semana. O ano passado foi o Jardel ao Olhanense, este ano o jianini ao Leiria. Julgo ser uma má pratica, pouco transparente e que pode colocar em causa a verdade desportiva. Nem que nada disso acontece, é um principio etico claramente violado. Mas não é uma prática nova.

A outra não novidade, e esta até pode ter alguma ligação com uma alertada pelo spaceship no seu post, é o falhanço na negociação do slb como o grupo do pais do amaral relativo aos direitos de transmissão dos seus jogos. E com quem vai negociar?? Olivedesportos!! Curisoso. Aquela empresa a que muitos gostam de chamar o lobo mau, vai voltar a ser um aliado do slb. Engraçado, mas para mim nenhuma surpresa...

 

Até breve

publicado por AR às 16:20
Terça-feira, 10 DE Janeiro 2012

Em semana de Sporting - Porto, foram divulgadas duas grandes novidades.. ou talvez não!

 

Em primeiro lugar e dias antes do jogo grande da jornada, o jornal Público divulgou que o Sporting tinha fotos de adeptos leoninos no corredor de acesso ao balneário da equipa visitante. Era referido que essas imagens mostravam os adeptos em posses agressivas e até xenófobas com o intuito de intimidar os jogadores adversários. A notícia deu polémica e foi reproduzida em todos os restantes orgãos de comunicação.

A grande questão é que as referidas fotos, já lá estavam pelo menos desde Agosto (altura em que começaram a haver jogos oficiais em Alvalade). Assim sendo, já se disputaram quase dezena e meia de jogos em Alvalade (jogos do campeonato nacional, da taça de Portugal e da Liga Europa), entre jogadores, treinadores, dirigentes e staff de apoio, já por lá terão passado centenas de pessoas, para além de responsáveis da Liga, da FPF e da UEFA e não há relatos de queixas.. Logo, para que terá servido tal notícia (mesmo com o atraso de meses) e com especulações e alegações a situações xenófobas que a serem verdade já teriam sido motivo de dura intervenção da UEFA?

 

Em segundo lugar, e na noite do jogo, apareceu num dos vários programas de análise do jogo, António Oliveira.. Entre muitas coisas, António Oliveira referiu coisas que já todos sabem, que a Olivedesportos domina e controla quase tudo o que se relaciona com o futebol.. Desde direitos televisivos e publicidade, mas também os dirigentes da Liga e da Federação. Foi mais longe referindo que nas eleições destes orgãos, o vencedor é sempre alguém da conficança da Olivedesportos e que já sabe quem vai ganhar as eleições para a Liga. Oliveira concluiu ainda que tem consciência que chegou onde chegou como treinador e seleccionador porque na altura também ele era um peão da Olivedesportos (mais que um peão, era um dos accionistas).. Grande parte disto não foi novidade para ninguém, também não foi novidade que António Oliveira se zangou com o irmão e já tinha vendido a sua participação na Olidesportos a algum tempo.. O que não se percebe é o timing destas revelações que eram de conhecimento geral..

publicado por Spaceship às 18:51

A jornada iniciou-se com o clássico Sporting – Porto. Um clássico animado, bem jogado e bem disputado, sem grandes casos (pode-se discutir a possibilidade de se ter mostrado um segundo amarelo a Otamendi ou a Polga, mas a meu ver, ainda bem que nenhum foi expulso). As defesas superiorizaram-se aos ataques e não houve golos, embora cada uma das equipas tenha tido uma meia dúzia de oportunidades para o fazer, mas quer os guarda-redes, quer os defesas, estiveram muito bem. O Porto dominou mais o jogo, teve mais posse de bola e controlou mais, mas o Sporting em contra-ataque foi quem acabou por ter as oportunidades mais flagrantes, sobretudo no último quarto de hora de jogo, ainda assim, a última grande oportunidade foi do Porto já nos descontos. O empate acabou por ser o resultado mais justo.

 

Seguiu-se o Benfica que foi à Marinha Grande jogar com o Leiria que com Cajuda ao comando ainda não tinha sofrido golos em casa. O Leiria começou melhor e ainda antes dos 10”, Maxi tirou uma bola quase em cima da linha de golo. Praticamente na jogada seguinte, Bruno César marcava o primeiro do jogo. O golo refreou os ânimos do Leiria e deu maior tranquilidade ao Benfica que passou a dominar e controlar o jogo, dispondo de várias oportunidades de golo, que sem surpresa foram acontecendo.. Cardozo marcou aos 47” e Rodrigo bisou aos 73” e aos 75”. Vitória justíssima e que mostrou o porquê do Leiria mesmo não tendo sofrido golos em casa se encontra abaixo da linha de água.

 

Destaque ainda para o Braga que igualou o Sporting na 3ª posição e que na próxima semana recebe esse mesmo Sporting.

publicado por Spaceship às 18:50
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
16
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Contador de Visitas
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Este senhor quer tapar o sol com a peneira......ex...
Os portistas Saõ e serao sempre os mesmos m...
Ah caiu o mito porque tu o dizes? Makes sense.
E não vao ficar por aqui... este ano tb ja esta de...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO