Quarta-feira, 05 DE Maio 2010

A penúltima jornada, que tinha um escaldante Porto – Benfica como principal destaque, tinha ainda como aliciante o facto de todos os jogos se realizarem em simultâneo e de o Benfica se poder sagrar campeão (bastava-lhe pontuar no Dragão ou que o Braga não ganhasse em casa ao Paços de Ferreira).

 

Começando pelo jogo mais importante, Porto e Benfica defrontaram-se num ambiente perfeitamente escaldante que incluiu apedrejamento de ambos os autocarros, vandalismos a casas do Benfica e do Porto em várias localidades e arremesso de bolas de golfe, isqueiros e petardos para o relvado (e bancadas) durante o jogo.

Quanto ao jogo verdadeiramente dito, o Benfica até entrou melhor e logo aos 4mn, Di Maria rematou à entrada da área, a bola desvia em Beluschi, bate na trave e sai.. Incrivelmente, é assinalado pontapé de baliza – logo por este primeiro lance se viu que o árbitro estava ali para roubar descaradamente o Benfica ;) . Logo depois, Fucile faz falta sobre Di Maria e de seguida pisa-o, Di Maria reage e o árbitro dá amarelo aos dois. À passagem do minuto 13, amarelo para Coentrão por falta feia sobre Fucile e 2mn depois amarelo a David Luiz por uma falta banal sobre Hulk. Seguiu-se mais uma falta de Fucile que voltou a derrubar Di Maria e gerou alguma confusão entre jogadores, mas não houve cartões. Aos 20mn falhanço incrível de Javi Garcia à boca da baliza após centro de David Luiz. Pouco depois começa o maior assédio à baliza do Benfica e o Porto começa a chegar com perigo à baliza de Quim.. Em cima da meia-hora de jogo, Coentrão faz uma falta feia sobre Hulk e arriscou novo amarelo que não saiu. Aos 35mn, lance na área do Porto com Álvaro Pereira a cortar uma bola e Maxi a cair.. No campo foi mesmo à minha frente e pareceu-me limpo, em casa vendo em câmara lenta e em vários ângulos fico com a sensação que Álvaro tocou primeiro no joelho de Maxi e só depois na bola. Pouco depois, Hulk remata de longe e Quim defende para canto. Aos 38mn David Luiz faz obstrução na área a Hulk, talvez também merecesse a marcação de penalty. Aos 40mn Javi faz falta sobre Guarin e também vê o amarelo e 2mn depois, canto de Beluschi e Bruno Alves salta mais alto que Luisão e marca o primeiro. Até final, mais dois remates perigosos de Hulk e Meireles e um amarelo para este último.

A segunda parte começa com o Porto novamente em cima do Benfica e Farias aos 50mn remate muito forte de ângulo apertado a obrigar Quim a ceder canto. Um minuto depois, Coentrão puxa a camisola de Fucile à entrada da área e volta a puxar novamente dentro, Fucile cai para cima de Coentrão e o árbitro ou considera simulação ou falta ofensiva de Fucile. Este protesta e no seguimento dos protestos (puxou a camisola ao árbitro segundo o relatório do Larápio), leva o segundo amarelo e é expulso. Na jogada imediatamente a seguir, Maxi obriga Beto a boa defesa para canto. Aos 57mn no seguimento de um centro de Maxi, Luisão aproveita uma atrapalhação de Rolando e remata para o golo. Bruno Alves vê o amarelo por protestos e na jogada seguinte, Luisão faz uma falta feíssima e, com sorte, apenas vê o amarelo. Aos 59mn Belushi trabalha bem na entrada da área do Benfica, deixa-se cair e faz com que a defesa encarnada se desconcentre e a bola sobra para Farias que oportuníssimo marca. Nos festejos, Jesualdo é expulso por palavras ao 4º árbitro. Foi a segunda expulsão da sua longa carreira, a segunda consecutiva! Aos 64mn Fernando leva amarelo por falta feia sobre Aimar. Aos 65mn num contra-ataque rapídissimo do Porto e em vantagem numérica, Guarin remata de fora da área ao lado. No minuto seguinte, Carlos Martins marca um livre, a bola sobra para Saviola que remata ao lado. Aos 70mn, grande trabalho de Aimar e bela defesa de Beto. Aos 73mn, Guarin responde com um grande remate ao poste sem hipóteses para Quim. Aos 75mn, Di Maria cai na área, fico na dúvida se simula e se protesta, caso o tenha feito, merecia o segundo amarelo como Fucile. Aos 78mn, Ramires faz uma falta dura sobre Beluschi e também ele vê o amarelo. Aos 80mn, Weldon, solto na área, remata ao lado. Até que aos 82mn, o momento do jogo, Beluschi recebe de Guarin, faz um túnel a Aimar e remata em arco, fazendo um golaço. Com isto terminou o jogo, há a salientar um livre marcado por Hulk com a bola a sair por cima e um amarelo a Maxi por falta sobre Alvaro Pereira.

Vitória justa para a melhor equipa em campo. Muitos erros do árbitro com influência no jogo (e nos seguintes, uma vez que o Benfica ficou sem 3 jogadores para a jornada seguinte e o Porto sem Fucile até ao fim da época – levou dois jogos de castigo, um pela expulsão e outro pela conduta anit-desportiva para com o árbitro), mas penso que sem influência na justiça da vitória do Porto.

 

Ao mesmo tempo jogou-se um Braga – Paços de Ferreira que era também bastante importante, mas a primeira parte foi jogada sem qualquer interesse. Na segunda parte e sabendo-se o resultado favorável ao Porto, o Braga entrou melhor, mais atacante e mais dominador. O Paços também arriscou mais com contra-ataques venenosos e até esteve perto de inaugurar o marcador, mas desperdiçou uma bela oportunidade com um avançado a rematar ao lado quando estava sozinho frente a Eduardo. Aos 56mn e com o Benfica empatado, o guarda-redes suplente do Paços deixa fugir uma bola fácil e Meyong faz o golo da vitória. O Braga terminou em cima do adversário, mas não conseguiu dilatar a vantagem. De qualquer modo, manteve-se na luta pelo título e garantiu um lugar na champions, relegando o Porto para o terceiro lugar.

 

Nos restantes jogos, a assinalar a derrota do Leixões que o relega para a segunda divisão com a companhia do Belem. A derrota (mais uma) do Sporting em casa frente à Naval de Inácio, com a particularidade do golo da Naval ter sido marcado escassos segundos após o segundo golo do Porto, o que originou uma enorme festa nas bancadas de Alvalade. Destaque ainda para os empates a zero do Guimarães no campo do Rio Ave e do Nacional a três em Coimbra, que conjugados com a vitória do Marítimo em casa por 2-0 ao Setubal, fazem com que este trio dispute a última vaga na Europa. Vantagem do Guimarães que tem mais 3 pontos que as equipas insulares.

 

Posto isto, na última jornada, discute-se quem será o campeão e quem vai ocupar a terceira vaga na taça Europa.

publicado por Spaceship às 18:30
Pois bem,
Resulta desta crónica que o FCP venceu bem. No entanto queria salientar 5 pontos que me parecem mal relatados. Desde logo porque é referido que o Fucile pisou o Di Maria. Ora isso, nem no campo nem na TV se vê. Nem tão pouco o Di Maria (no seu último jogo em Portugal, refira-se) reclama. Acresce a isso que, todos, mas TODOS os que comentaram, especialistas e meros comentadores disseram que o amarelo para ambos foi ridículo. Se tivesse existido esse pisao, seria até vermelho para o Fucile. Depois, e curiosamente, consideras que o Fucile foi puxado pelo Coentrao fora e dentro da area no lance em que vê o 2º amarelo. Ainda que seja discutivel, ao dizeres isso, tinhas que concretizar e dizer que não só foi uma expulsao injusta, como ficou um penalti por marcar. Acresce a isto que, o mesmo Coentrão minutos depois corta uma bola com a mão (até admito que se discuta se foi com a mão ou com o peito, mas o facto é que o arbitro marcou falta) e não levou amarelo que seria o segundo e consequente expulsão!! E o Di maria em mais do que um lance, mas no lance com o Fernando atira-se para a piscina como muitas outras vezes este ano, e também aí o arbitro não mostro amarelo como ao Fucile que seria o segundo e consequente expulsão. Dualidade de critérios estamos conversados.
Finalmente a cereja no topo do bolo do que se tem passado na liga dos tuneis: chamas-lhe "falta feia" à agressão, mais uma digo eu, ao que o Luísão fez ao Beluschi!! é a 3º vez que o Luisão faz destas coisas (quem não se lembra da agressão ao jogador do Nacional com este já no chão que este mesmo arbitro apenas sancionou com um amarelo) e nunca foi expulso. Aliás, e para terminar este trsite fado, quem encontra diferenças entre a entrada do João Pereira no derbi com o benfica e a entrada do Ramires sobre o Beluschi??? E quem era o arbitro dos dois jogos??? o mesmo do Benfica Nacional!! E ainda lhe chamas Larápio!!
Por fim, julgo que te faltou salientar o facto da vitória ter sido justa e conquistada pelo FCP a jogar com 10 elementos desde os 58min. E que ainda assim ninguém pode acusar o FCP de fazer anti jogo.
Concretizo que esta não foi a tua melhor crónica, mas por razões que compreendo, perfeitamente fundamentadas!! :)
AR a 6 de Maio de 2010 às 10:20
Aceito as criticas e assumo que dois factores podem pesar na tendência ou no enviesamento da crónica, por um lado a cor clubistica (que eu tento que não interfira para que seja uma crónica honesta e imparcial, mas que nem sempre é fácil renegar) e o facto de ter presenciado o jogo ao vivo e não em casa, só tendo tido hipótese de rever alguns lances e não todos.
Quanto aos teus pontos:
1) Pareceu-me que após a falta de Fucile sobre Di Maria, este lhe pisou (sem querer a mão), levando a que Di Maria se levantasse de imediato e os jogadores se encostassem. O Record relata isso.. De qualquer modo, o amarelo é absurdo para ambos (tal como foram alguns dos seguintes).
2) Para mim, ficou por marcar falta de Coentrão sobre Fucile. Não tenho a certeza se se marca falta onde começa ou onde acaba, de qualquer modo, ou foi falta fora da área ou é penalty. Quanto à expulsão penso que tenha sido pela reacção do jogador.. Foi mesmo à minha frente e ele puxou a camisola ao arbitro e berrou com ele, antes de ver o segundo amarelo (claro que o primeiro foi mal mostrado).
3) Nem todos os cortes com a mão são para amarelo. Só o são se são voluntariamente e cortam lance de perigo (ou vermelho se impedem um golo). Neste caso, nem um nem outro, foi um lance banal em que por ser duvidoso se foi mão ou peito, o próprio árbitro decidiu não dar qualquer cartão.
4) Quanto à queda do Di Maria, eu não tenho a certeza porque foi no lado oposto onde eu estava, mas penso que ele não reclamou nem pediu penalty.. Mas se o tiver feito, devia ter visto o 2º amarelo.
5) Refiro que a falta do Luisão é feiíssima e com sorte apenas levou amarelo. Considero que era para vermelho, tal como seria a do Nacional. Quanto à falta de Ramires sobre Belushi, foi dura mas não considero pior do que a de Fernando sobre Aimar e em ambos os casos, o amarelo foi justo.

Quanto ao facto de chamar Larápio a este árbitro, já lhe chamo assim há algum tempo por semelhança sonora com o seu real nome! Reparem que em todos os jogos em que ele é interveniente, há sempre alguém com razão de queixa, há sempre erros, há sempre más decisões.. Quer seja nos jogos cá em Portugal, onde todos têm queixas sobre o seu trabalho, quer seja nos jogos europeus que arbitrou este ano, há sempre erros! Assim de repente, lembro-me de vários erros no Inter-Barça e num jogo do Man Utd em casa contra os russos na fase de grupos..
Spaceship a 6 de Maio de 2010 às 12:51
Pequenos reparos:

No remate do Di Maria á barra, a bola bate no B.Alves e nao no Belluschi.
O Di Maria simulou mesmo faltas e penaltis como é seu apanágio - não houve 2ºamarelo.
O Luisão pode mesmo fazer o que quiser que ninguém o pode expulsar.

Quanto ao Braga, pelo que vi logo no dia do jogo, fiquei com a ideia de que no lance do golo, haveria dois jogadores do Braga em fora de jogo e que isso poderia ter anulado a jogada - mas aquela fifia do guarda-redes é indesculpavel.
Pena pelo Leixões e quanto ao Belenenses falta saber quem é que desce agora na Secretaria para eles poderem ficar na primeira mais uma vez.
Rui Barros a 6 de Maio de 2010 às 11:51
Qto à expulsão do Fucile ele não se fez à falta de tal maneira que tenta jogar a bola qdo está no chão ele reclama porque o arbitro marcou falta(simulação) e a reacção foi por saber que ia levar amarelo.
Qto ao larapio deixo aqui noticia do "OJOGO":

"Prolongamento

Ainda na sequência do clássico, Olegário Benquerença terá admitido, perante o delegado da Liga João Eusébio e o director de campo do FC Porto, Eduardo Valente, ser benfiquista. No final da partida, o árbitro terá tentado confirmar o resultado do Sporting, mostrando-se surpreendido com a derrota da equipa de Alvalade em casa, reacção que levou os presentes a questionar a sua preferência clubística. "Sou benfiquista e assumo-o", terá referido então o árbitro de Leiria."
Beautiful a 6 de Maio de 2010 às 21:28

Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
22
23
25
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
eu estava a nascer mas nesse ano a unica coisa que...
Correctíssimo ao dizer página mais negra da nossa ...
Então por que foi irradiado o Calabote?
Grande cabrinha... uma pessoa humilde.. de um cora...
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO