Terça-feira, 21 DE Dezembro 2010

O Braga recebeu a Académica na sexta-feira à noite e conseguiu efectuar o seu melhor jogo a nível interno esta época. O Braga entrou logo a ganhar com um golo de Paulo César logo aos 4” e durante a primeira parte foi tendo inúmeras oportunidades de dilatar o resultado, algo que conseguiu aos 24” e aos 34” por Paulão e Keita. A segunda parte foi jogada a um ritmo mais lento, mas com o Braga a dominar completamente o jogo e a fazer mais dois golos, aos 71” por Meyong e já nos descontos por Hugo Viana, numa altura em que já jogavam com 10, após a expulsão de Custódio por acumulação de amarelos. Resultado mais que justo para o Braga que volta a evidenciar argumentos da época passada! Atenção para a Académica que sofre pela segunda vez consecutiva 5 golos (na jornada passada tinha perdido 5-1 em casa com o Marítimo).

 

No sábado à tarde (que maravilha.. um jogo às 17:00), o Benfica recebeu o Rio Ave e fez um jogo ao nível da época passada! Em pouco mais de 10 minutos, fez dois golos (Aimar aos 4” e Saviola aos 8”) e criou outras tantas oportunidades, tendo inclusivamente um golo bem anulado por fora-de-jogo de Saviola. Continuou a fazer um grande jogo até à meia hora, altura em que abrandou o ritmo. Em cima do intervalo, numa jogada rápida, João Tomás reduziu. Mas a segunda parte continuou a ter muito mais Benfica e pouco depois do reatamento (52”), após grande jogada de Salvio, Saviola bisou. Aos 62” Sálvio amplia ainda mais a vantagem. Aos 71” João Tomás volta a reduzir de grande penalidade (atenção ao 9º golo de João Tomás no campeonato!). O Benfica não acusou o golo e continuou a dominar e controlar completamente o jogo. Aos 74” Sálvio à entrada da grande área marca de cabeça (ainda assim o golo deveria ser anulado porque David Luiz em fora-de-jogo posicional estorva a acção do guarda-redes). Até ao fim, realce para uma tentativa de chapéu de Sálvio que embateu no poste e para a expulsão de Coentrão por acumulação de amarelos aos 88”. Resultado justíssimo para uma grande exibição do Benfica e muita vontade do Rio Ave, premiada com dois golos.

 

No domingo à noite, o Porto deslocou-se a Paços de Ferreira e teve uma entrada estrondosa! Fez 20” de nível muito bom. Apenas pecou por só ter marcado um golo (Otamendi aos 11”) porque teve pelo menos 2 ou 3 oportunidades flagrantes (especialmente o falhanço escandaloso de Falcao de baliza aberta)! Até ao intervalo, o Porto foi a única equipa em campo e, mesmo abrandando muito o ritmo, pouco ou nada se viu da equipa da casa. Mas a segunda parte foi completamente diferente com o Paços a entrar muito mais perigoso e determinado. Encostou o Porto lá atrás e teve meia dúzia de oportunidades de golo perdidas pelos seus avançados (nomeadamente por Rondón que esteve muito perdulário frente a Helton). Mas aos 90” o árbitro inventa um penalty que Hulk converte. Pouco depois, aos 94”, Walter fixou o resultado final! Vitória muito difícil do Porto por números muito exagerados que não reflectem o que se passou em campo e que contou com o dedo do árbitro (atenção que aos 70 e tal minutos pode ter ficado um penalty por marcar a favor do Porto, mas eu não vi nada nas imagens).

 

Finalmente, na segunda-feira, o Sporting regressou a Setúbal para se tentar redimir da eliminação da taça! E conseguiu! Entrou forte e personalizado, enquanto o Setúbal entrou sem garra e sem grande vontade. Foi sem surpresa que o Sporting marcou aos 20” por Djalo. Depois abrandou o ritmo e começou a defender mais atrás, permitindo que o Setúbal se estendesse no campo. Com mais espaço, o Sporting voltou a marcar, desta feita por Abel, num bom golo aos 40”. Este golo praticamente matou o jogo, ainda para mais, pouco depois do reatamento (aos 55”), Djaló quase falhou o impossível e alargou a vantagem para 3-0. Daqui até final, pouco se passou e o jogo terminou com um justíssimo 3-0 para o Sporting.

 

Destaques para o 4º lugar do Leiria a apenas 1 ponto do Sporting e para o pedido de Jorge Costa para se desvincular da Académica por fortes motivos pessoais. Esperemos que não seja nada de mais e que regresse em breve!

publicado por Spaceship às 09:52
A desonestidade intelectual do Sr. João fica bem patente quando refere supostos penáltis não assinalados contra o F.C.Porto, mas não refere penáltis que não foram marcados a favor do F.C.Porto, mas deviam ter sido.
O facto de referir o pénalti supostamente mal marcado contra o Paços de Ferreira no minuto 90, mas não referir que no minuto 76 houve um penálti a favor do F.C.Porto que ficou por marcar, diz tudo.
E já agora, se quer falar de penáltis, aconselho-o a pesquisar o número de penáltis a favor e contra os 3 grandes nas últimas décadas (já houve um post neste blog com esses números)...vai ter uma surpresa.
Joca a 21 de Dezembro de 2010 às 14:54

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
16
18
20
22
23
24
25
26
27
28
29
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
ele é tudo o que disseram dele e muito mais....tiv...
eu estava a nascer mas nesse ano a unica coisa que...
Correctíssimo ao dizer página mais negra da nossa ...
Então por que foi irradiado o Calabote?
Grande cabrinha... uma pessoa humilde.. de um cora...
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO