Sexta-feira, 30 DE Outubro 2009

 

Meus caros,
 
Depois de esta semana muito se ter falado de um individuo que não vale um vintém, apesar de alguns insanos o tentarem comparar com o Mourinho, volto hoje ao tema das contas da SAD do FCP. Isto por duas ordens de razões: foram 4ª feira apresentadas e votadas, por um lado, e porque o presidente do Benfica, depois de muito apregoar veio ontem afirmar que vai vender um jogador. Resta saber qual, para quem e por quanto, mas veremos.
As contas do FCP demonstram que teoricamente e contrariando aquela que tem sido a tendência dos últimos anos, o FC Porto não vai precisar de vender jogadores no próximo Verão para cobrir o orçamento de 81,5 milhões de euros para o exercício 2009/2010 aprovado ontem por maioria em Assembleia Geral Ordinária da SAD. As receitas já garantidas atingem os 89,9 milhões de euros e não dependem da inclusão de mais-valias decorrentes da venda de jogadores, prevendo-se ainda que o resultado do próximo exercício, tal como aconteceu nos últimos três, seja positivo, desta feita em cerca de 3 milhões de euros.  Lembro que, apesar de uns mais distraídos e outros por mera ignorância têm dificuldade em perceber que esta é uma das razões pelo qual o passivo não diminuía ao ritmo das receitas pois, tinham sempre que cobrir os orçamentos do ano seguinte.
Este é um valor que pode variar de acordo com a prestação da equipa na Liga dos Campeões, prevendo o orçamento aprovado uma receita próxima da conseguida na última temporada. Sem a necessidade de dividir o market pool por ser a única equipa portuguesa na prova e com o aumento generalizado dos prémios pagos pela UEFA, um rendimento desportivo semelhante ao da última temporada pode até garantir receitas mais elevadas.
Como nota de rodapé, pode referir-se que, a manter-se o cashflow actual, de acordo com os dados da SAD portista, seriam precisos apenas dois anos para resolver definitivamente o passivo. Sublinhe-se igualmente que no capítulo das dívidas aos bancos, à data do fecho do último exercício, FC Porto devia 76 milhões de euros, sendo que no final de Setembro já estavam liquidados 17 milhões de euros, reduzindo o total em dívida para 59 milhões de euros fruto das verbas recebidas pelas vendas de Lisandro, Cissokho e Ibson, mas também por Quaresma e Pepe.
Entretanto, a Assembleia Geral aprovou igualmente por maioria as contas relativas ao exercício de 2008/09, tendo igualmente sido aprovada uma declaração sobre a política de remuneração da administração, onde se reafirma a recusa de recebimento de qualquer prémio pelo desempenho da SAD caso a equipa principal de futebol não garanta o primeiro lugar no campeonato.
 
 
 
(sublinhado meu)
 
Abr Champions
publicado por AR às 10:31

Jorge Jesus é o homem do momento..

Para uns é porque colocou a equipa a jogar um futebol de ataque, vistoso e atractivo, que tem ganho grande parte dos jogos e muitas vezes com resultados deveras dilatados. Conseguiu pegar num conjunto de bons jogadores (uns jovens que eram rotulados de craques mas que nada faziam e noutros mais velhos a quem já vaticinavam o fim da carreira) e conseguiu uni-los de forma a formarem uma equipa compacta, unida e que joga de forma entusiasmante..
Para outros é porque fala demasiado, fala do que sabe e do que não sabe, cometendo gafes atrás de gafes. Porque provoca outros treinadores, porque se intromete no trabalho e na rotina dos seus adversários com palpites e com teorias suas. Porque é mal-educado e provocador, porque faz gestos despropositados e diz mais disparates..
 
Mas este post não tem como principal intenção falar bem ou mal de Jorge Jesus, mas sim mostrar que o que ele é agora no Benfica não é muito diferente do que foi noutros clubes. Simplesmente agora tem muito mais protagonismo por estar num grande e porque tem uma projecção mediática praticamente diária enquanto antes só se lembravam dele meia dúzia de vezes por ano, normalmente quando as suas equipas iam defrontar um dos grandes..
No passado, Jesus conseguiu coleccionar uma boa quantidade de gafes, bacuradas e atribuiu a si mesmo uma série de feitos e façanhas que a todos nos fez rir. Sempre foi demasiado arrogante, convencido e emproado e conseguiu coleccionar uma catrefada de “amigos” no futebol português:
Augusto Inácio - Substituiu Jesus no Felgueiras, e foi logo acusado por Jesus de lhe roubar o bloco onde estavam os seus segredos das bolas paradas (até mostrou vídeos para provar a teoria). Inácio referiu que Jesus seria “um bom treinador, mas um mau homem. Tem pouca cultura e escassa formação".
Carlos Azenha - Zangaram-se quando Jesus abandonou o Setúbal e Azenha (na altura era seu adjunto), manteve-se no cargo. Jesus apelidou-o de "traidor" e o caso foi parar aos tribunais.
Domingos Paciência - Substituiu Jesus no Braga e criticou logo a condição física dos jogadores e disse também que a equipa tinha obrigação de fazer melhor em todas as competições do que na época passada. Quando foram eliminados da Europa, Domingos atribuiu culpa ao mau planeamento de época do seu antecessor e Jesus sacudiu as culpas, mas quando o Braga começou a vencer, Jesus puxou a si os méritos por ter escolhido os jogadores e ter formado a equipa.
José Mota - Na época passada, trocaram palavras a propósito de Beto. Jesus disse que este era demasiado baixo para poder vir a ser um guarda-redes de topo e Mota pediu "respeito" e disse algo como "Quem quiser falar, que fale dos dele e deixe os outros em paz.
Manuel Machado - Há duas épocas, quando treinava o Braga, Machado atirou-se a Jesus, acusando-o de estar a preparar - juntamente com a Direcção do clube - a sua sucessão. Entre outras coisas, Machado já referiu que nunca o irão ver a mascar chicletes de boca aberta ou a dizer palavrões para dentro do campo. No final da época passada, Machado congratulou-se por ficar à frente do “mestre da táctica”.
 
Logo, como podem ver, o comportamento de Jesus não mudou por ter chegado ao Benfica ou por estar a ganhar, ele sempre foi conflituoso e arrogante! Eu preferia que Jesus se concentrasse apenas na equipa do Benfica e mantivesse as vitórias e os resultados, que deixasse as provocações estúpidas e as faltas de educação.
Mas obviamente que tenho de reconhecer o bom trabalho que ele fez na equipa, pela forma que a equipa joga e pelos resultados que tem conseguido! Eu concordo com a opinião de Inácio, Jesus é um bom treinador, mas como homem, falta-lhe muita coisa!
publicado por Spaceship às 09:45
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
17
19
20
21
24
25
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
eu estava a nascer mas nesse ano a unica coisa que...
Correctíssimo ao dizer página mais negra da nossa ...
Então por que foi irradiado o Calabote?
Grande cabrinha... uma pessoa humilde.. de um cora...
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO