Segunda-feira, 09 DE Maio 2011

A 29ª jornada teve os jogos todos à mesma hora, assim sendo, seguimos a ordem classificativa.

 

O Porto recebeu o Paços de Ferreira e recebeu também o troféu relativo à conquista deste campeonato! O Porto entrou bem no jogo e logo aos 8” já estava a ganhar com um golo de Falcao. Embora o Paços tenha tentado sempre responder, o Porto foi sempre controlando e dominando o jogo e fez com naturalidade o 2-0 ainda antes do intervalo por Hulk. O descanso adormeceu um pouco o Porto que entrou a sofrer um golo de Pizzi logo aos 47”. Aos 53” Falcao voltou a colocar em 2 golos vantagem do Porto que aos 59” viria o árbitro a cometer dois erros graves, primeiro não vê uma falta sobre Hulk na área do Paços e na resposta, não vê o fora-de-jogo de Pizi antes deste reduzir para 3-2. Ainda assim, tudo parecia encaminhado para mais uma vitória, ainda para mais, com a expulsão de Nelson Oliveira com vermelho directo por uma entrada que lesionou (sem gravidade) João Moutinho. Mas aos 87”, toda a equipa do Porto tem enorme passividade e deixa Pizi fazer o hat-tric num remate muito bom de longe.

 

Ao mesmo tempo, o Benfica jogava em Vila do Conde e também muito cedo se colocou em vantagem. Carodozo aos 8” e aos 28” colocou o Benfica a vencer mais que justamente uma equipa que parecia adormecida. Durante a primeira parte, o Rio Ave apenas incomodou Moreira por duas vezes, uma aos 30” em que Saulo até marcou, mas estava em fora de jogo e por isso não contou e em cima do intervalo, João Tomas rematou com perigo, mas por cima. Pelo meio, o Benfica é que foi desperdiçando várias oportunidades para dilatar a vantagem. A segunda parte foi bem mais monótona, o Benfica jogou com mais calma e o Rio Ave, embora tenha entrado mais espevitado, pouco mais fez. Salienta-se apenas um remate à trave de Gaitan a 5” do fim e o golo de honra do Rio Ave por Braga aos 89”.

 

Em Coimbra, a Académica e o Braga empataram a zero num jogo muito fraco em que as equipas pouco ou nada fizeram para merecer a vitória. Desde cedo se percebeu que a equipa da casa estava mais preocupada em fechar os caminhos para a sua baliza e os visitantes acusavam algum desgaste e cansaço, também não forçaram demasiado o ataque. Repartição justa dos pontos.

 

Em Alvalade, estranhamente o Sporting deixou-se atrasar na luta pelo 3º lugar ao perder com o Setúbal que garantiu a permanência. O Sporting foi sempre a melhor equipa e a que mais atacou, mas sempre de forma algo confusa e sem grande esclarecimento. Foi desperdiçando algumas boas oportunidades para se colocar na frente do marcador, mas ao sofrer o golo aos 55”, passou a jogar pior e a ter menos oportunidades de marcar. O Setúbal também pouco mais fez que o golo, mas teve o mérito de conseguir defender a vantagem e manter o Sporting longe da sua baliza até final do jogo.

 

Destaques para a confirmação das descidas da Naval (que até perdeu em Leiria) e do Portimonense (que ainda sonhou após ganhar ao Marítimo). Na luta pelo último lugar na Europa, o Nacional perdeu, mas mantém 1 ponto de vantagem sobre o Paços e 2 sobre o Rio Ave. O Marítimo, ao perder em Portimão ficou fora da corrida.

publicado por Spaceship às 12:30
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
19
20
21
22
24
25
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
eu estava a nascer mas nesse ano a unica coisa que...
Correctíssimo ao dizer página mais negra da nossa ...
Então por que foi irradiado o Calabote?
Grande cabrinha... uma pessoa humilde.. de um cora...
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO