Segunda-feira, 23 DE Abril 2012

A primeira equipa a entrar em campo foi o Benfica que recebeu o Marítimo e entrou fortíssimo e desde logo a obrigar Peçanha a aplicar-se, a fazer grandes defesas e a agradecer a ajuda do poste em duas ocasiões. Ainda assim, Nolito aos 14’ e aos 19’ marcou os golos que permitiram ao Benfica chegar ao intervalo a ganhar claramente, mas ainda assim, de forma escassa face à diferença que se tinha registado em campo. Na segunda parte, o Marítimo entrou melhor e foi a vez de Artur se mostrar fazendo duas ou três grandes intervenções. Sami aos 52’ teve o prémio que perseguia e quando o Marítimo crescia e procurava o empate, o Benfica matou o jogo com golos de Rodrigo (65’) e Bruno César (69’). Vitória justíssima com destaque para Nolito (jogou em vez de Gaitan que está em baixa de forma) que marcou dois e fez duas assistências, bem como para as titularidades de Capdevila (o justo dono da lateral esquerda) e Saviola (um avançado em vez do médio Witsel que estava castigado).

Seguiu-se o Porto que recebeu o Beira-Mar e desde logo tentou instalar-se no meio-campo aveirense. O Beira-Mar consentiu o domínio territorial e a posse de bola, mas fechou bem os caminhos da baliza e procurou sempre o contra-ataque, conseguindo alguns lances de perigo, mas onde a falta de pontaria foi gritante. Aos 32’ um jogador do Beira-Mar puxa Sapunaru que entrava na área e provoca uma grande penalidade que Hulk marcou e serviu para desbloquear o jogo. O Beira-Mar acusou o golo e o Porto, mais tranquilo cresceu em campo, entrando na segunda parte completamente demolidor, marcando aos 51’ (Janko) e aos 54’ (Hulk). Até ao fim, só deu Porto, embora de forma mais lenta e tranquila. Também aqui a vitória foi justíssima.

Por fim, no domingo o Sporting deslocou-se à Madeira para jogar com o Nacional. O Sporting entrou em campo com uma equipa de suplentes por estar a precisamente a meio das meias finais da Liga Europa, mas ainda assim, entrou mais forte e chegou rapidamente ao golo por intermédio de Rubio aos 12’ (curiosamente um jovem que muito prometeu na pré-época e que pouco ou nada jogou durante a época tendo marcado o seu primeiro golo oficial pelo Sporting neste jogo). O Sporting continuou melhor e Renato Neto ampliou a vantagem aos 31’. Depois esmoreceu e o Nacional cresceu, muito por força do golo de Mateus logo de imediato (34’). Na segunda parte o Nacional foi mais forte e isso ficou ainda mais patente apos a expulsão de Rubio aos 58’. O Nacional dominou e chegou ao empate por Keita os 74’. Quando o Nacional procurava o golo da vitória, em contra-ataque Wolfswinckel sofre penalty e converte o 3-2. Até ao fim, só deu Nacional, mas Boeck fez 2 ou 3 excelentes defesas, garantindo a vitória para o Sporting.

Destaque ainda para o empate do Braga em Paços de Ferreira, que depois de uma série vitoriosa fantástica, soma o 3º jogo seguido sem ganhar e já tem o Sporting a sonhar com o 3º lugar (jogam entre eles na última jornada).

publicado por Spaceship às 15:26
Domingo, 15 DE Abril 2012

O Benfica venceu novamente a Taça da Liga. Numa final em que o Benfica tinha como obrigação ganhar ao Gil Vicente, não fez mais que a sua obrigação e cumpriu, vencendo a sua quarta Taça da Liga consecutiva.

Para aqui chegar, o Benfica venceu na fase de grupos o Marítimo, Guimarães e Santa Clara. Nas meias-finais venceu o Porto. Em cinco jogos, cinco vitórias!
Nestes últimos 4 anos, o Benfica tem 19 vitórias e 1 empate (curiosamente, a primeira final ganha contra o Sporting nos penalties). Para se encontrar uma derrota do Benfica nesta competição, é necessário recuar à primeira edição da prova, quando o Benfica perdeu em Setúbal (o primeiro vencedor do troféu) por 2-1, após empatar 1-1 em casa.

O Benfica continua ter uma enorme tradição nesta mais recente competição nacional, onde a sua hegemonia é gritante.

Parabéns!

 

 

PS - Uma palavra apenas para o facto de Capdevila apenas ter sido primeira opção de Jesus nesta competição e ainda assim ter mostrado que é o melhor lateral esquerdo do Benfica. Pena o Emerson não se ter lesionado ou passado mais tempo castigado (únicas alturas em que Capdevila teve oportunidade de jogar noutras competições)..

publicado por Spaceship às 23:25
Quinta-feira, 12 DE Abril 2012

Esta jornada pode bem ter definido o campeão nacional, com o Porto a sair vitorioso de Braga no sábado. O Braga, à semelhança do que fez com o Benfica, entregou a iniciativa do jogo ao adversário e procurou surpreender em contra-ataque, demonstrando que ainda não está preparado para se debater de igual para igual com Porto e Benfica. O Porto teve mais iniciativa e demonstrou que queria ganhar o jogo. Hulk e Lucho obrigaram Quim a fazer duas enormes defesas na primeira parte. Embora a jogar em contra-ataque, o Braga pouco ou nada fez na primeira parte, pelo que o nulo ao intervalo sabia a pouco ao Porto. Na segunda parte, Hugo Viana torna-se na figura, primeiro falha uma enorme oportunidade com Helton pela frente, chuta muito por cima e pouco depois, falha um passe em zona perigosa e permite que James isole Hulk que inaugura o marcador aos 55’. A perder o Braga procurou chegar mais à baliza do Porto, mas o Porto controlou e dominou o jogo. Conseguindo com alguma facilidade anular o Braga e ganhar o jogo.

Segunda, o Benfica foi a Alvalade e embora tenha entrado bem no jogo e dominado completamente durante o primeiro quarto de hora, não foi capaz de criar lances de perigo. O Sporting defendeu muito bem e assim que teve oportunidade, procurou em contra-ataque e movimentações rápidas tirar partido do facto de ambos os centrais benfiquistas regressarem de lesões (má decisão de Jesus em colocar ambos sem estarem a 100% e falta de ritmo). Na primeira oportunidade que o Sporting teve, Wolfswinckel fugiu, Luisão puxou-o na área e originou um penalty que o mesmo marcou aos 15’. O resto da primeira parte foi fraquíssima e o jogo só animou na segunda parte com o Benfica a jogar no meio campo do Sporting e a criar 2 ou 3 boas oportunidades, em que numa, Insua corta um cabeceamento de Maxi mesmo em cima da linha, mas em que o Sporting em contra-ataque dispôs de uma meia dúzia de enormes oportunidades.. numa Izmaelov acertou no poste e nas restantes Artur esteve em grande, sendo o melhor do Benfica e impedindo que o Benfica  fosse goleado. De realçar um enorme erro de arbitragem que não assinalou um penalty claro de Polga sobre Gaitan logo no 1º minuto. Obviamente que era necessário converter o penalty, mas com esse penalty e com o central amarelado, talvez o jogo do Sporting fosse diferente.. Há ainda um eventual de penalty de Garay por empurrão a Wolfswinckee a entrar na área (digo eventual, porque tenho dúvidas se foi dentro ou fora da área) e um outro lance no final da primeira parte em que num canto Luisão aparece a rematar completamente agarrado por Izmaelov, mas em que é possível que o Luisão tenha antes puxado ou empurrado o russo..

Uma nota ainda para o Leiria cuja situação financeira já originou que um jogador esloveno pedisse a rescisão de contrato unilateral por não ter dinheiro para comer!!! Destaque ainda para a Académica que após um fantástico inicio já esta em 14º e vai em 12 jornadas sem ganhar (7 derrotas e 5 empates – tendo sido um contra o Benfica e outro contra o Porto).

publicado por Spaceship às 00:10
Sábado, 07 DE Abril 2012

O Benfica entrou em campo em Londres em desvantagem de 1-0 e em desvantagem na formação das equipas, sem qualquer central de raíz e com Javi e Emerson a jogarem no meio da defesa. Ainda assim, a equipa entrou melhor e a jogar no meio campo inglês. Mas rapidamente se percebeu que tinha pela frente uma coesa e competente equipa do Chelsea e uma arbitragem muito caseira, com larga diferença no capítulo disciplinar (5 amarelos para o Benfica na primeira meia hora sem um único para o Chelsea) e na interpretação de quedas. Aos 20’ marca penalty por carga de Javi em Cole e Lampard coloca o Chelsea na frente. O Benfica voltou ao ataque mas uma falta de Maxi aos 40’ deita tudo a perder ao ver o 2º amarelo e a ser expulso. Esses últimos 5’ foram todos do Chelsea e por pouco o Chelsea não voltou a marcar. O  Benfica reentra e tem duas boas oportunidades, mas rapidamente o Chelsea volta a tomar conta do jogo e tem mais duas ou três grandes oportunidades para marcar (Ramires falha uma escandalosamente). O Benfica começa a refrescar o ataque e ter algumas oportunidades. Javi marca aos 85’ e o Benfica lança-se no tudo ou nada. Já nos descontos e após um lance de bola parada do Benfica, o Chelsea contra-ataque e Meireles coloca o resultado final em 2-1. O Benfica fica fora da Champions mas teve uma grande atitude da forma como jogou mais de 50’ com um jogador a menos e apenas dois defesas (Emerson – que até terá feito o seu melhor jogo com a camisola do Benfica – e Capdevila) na equipa, conseguindo jogar de igual para igual.

O Sporting foi jogar à Ucrânia e teve em Rui Patrício o seu grande herói. O guarda-redes leonino foi defendendo tudo o que lhe ia aparecendo e o Sporting pouco fazia para além de defender e tentar impedir que os ucranianos se aproximassem da baliza. No primeiro remate à baliza, Wolfswinkel marcou mesmo antes do intervalo. Os ucranianos voltaram a entrar na segunda parte ao ataque e conseguem ultrapassar Patrício aos 57’. Com o  empate no jogo, bastava mais um golo para empatar a eliminatória e os ucranianos procuraram esse golo que Patrício ia negando. Aos 65’ beneficiaram de um penalty que Patrício defendeu e com essa defesa quase acabou com as esperanças dos ucranianos que pouco ou mais fizeram até final. Empate a um que permite ao Sporting avançar para as meias finais ibéricas, novamente. No ano passado, 3 equipas portuguesas e 1 espanhola, este ano, 1 portuguesa e 3 espanholas. Força Sporting.

publicado por Spaceship às 23:17
Segunda-feira, 02 DE Abril 2012

Decorridas 30 jornadas em Espanha (ainda faltam 8), o Real Madrid atingiu a marca de 100 golos marcados!

Este facto aguçou a minha curiosidade e foi ver a classificação do campeonato. Claro que sabia que o Real comandava com 6 pontos de avanço para o Barça, mas o que mais me chamou a atenção foi a diferença abismal do Real e Barça para o resto..

O Real tem 78 pontos e o Barça 72, enquanto o 3º que é o Valência tem apenas 48! Está a 30 do Real e 24 do Barça.. O último (Gijón) tem 25 pontos, logo o Valência está mais perto do último do que do segundo.. O Real e o Braça têm mais de 20 vitórias (25 para o Real e 22 para o Barça), qualquer um deles tem ¾ de vitórias face aos jogos feitos, enquanto que a equipa com mais vitórias depois deles, é o Málaga com 14, ou seja menos de metade dos jogos feitos..

Depois e olhando para os golos, o Real já chegou aos famosos 100 golos e o Barça vai com 86.. o terceiro melhor ataque volta a ser o Valência, com 46 (depois ainda aparecem Málaga e Atlético de Bilbau com 44 e Levante, Atletico de Madrid e Rayo Vallecano com 42).. Ou seja, Real e Barça têm o dobro dos golos marcados que os outros melhores ataques..

Mesmo nos golos sofridos, estas equipas destacam-se.. O Barça apenas sofreu 22 e o Real 27, todos os outros já sofreram mais de 30 golos, de referir que a terceira melhor defesa é a do Sevilha com 31 golos sofridos..

E isto tem-se verificado nos últimos anos.. Cada vez mais Real e Barça mostram que são de um campeonato completamente à parte face a tudo o resto..

publicado por Spaceship às 23:41

A jornada iniciou-se ao final da tarde de sábado no Dragão com o Porto a receber o super-defensivo Olhanense. No entanto o Porto entrou a todo o gás e a jogar de forma muito rápida conseguiu derrubar várias vezes a muralha defensiva do Olhanense.. e não fosse Fabiano em dia de grande inspiração e podia ter goleado. O aviso foi feito logo na primeira jogada com pouco mais de 20” de jogo, e não parou mais.. foram várias as oportunidades de golo, até Lucho ter inaugurado o marcador aos 24’. O Porto continuou a carregar sem que o Olhanense procurasse o empate. Novamente, até ao golo e James aos 66’, foram várias as oportunidades de golo para o Porto. O 2-0 foi escasso dada a produção atacante do Porto, mas um prémio para um guarda-redes que fez uma excelente exibição.

Seguiu-se o jogo na Luz, com o Benfica a receber um Braga que estava em 1º lugar e com uma série vitoriosa histórica. O Benfica entrou a mandar no jogo, a controlar e a dominar, jogando no meio campo do Braga e pressionando muito à frente. O Braga remeteu-se para a defesa e procurou explorar o contra-ataque rápido. O Benfica ia controlando, tinha mais posse de bola (chegou aos 2/3) e mais remates, mas o Braga é que tinha as melhores e mais claras oportunidades. Aos 78’, Elderson comete falta na área (nem amarelo viu) e Witsel converte a penalidade, inaugurando o marcador. Quase de imediato (aos 82’) e após um livre, Artur deixa a bola escapar para o Elderson que restabelece o empate, redimindo-se do penalty cometido. Já nos descontos (91’), Bruno César marca o golo da vitória. O Benfica foi a equipa que mais vez por ganhar o jogo e por isso acaba por ser premiada, mas pelas oportunidades criadas pelo Braga, se tivesse terminado empatado, também se aceitava.

Já no domingo, o Sporting foi jogar ao campo do Leiria e aproveitou a deslocação ao campo do último classificado, para fazer descansar a equipa e entrar com 7 jogadores novos, assim do habitual onze, apenas ficaram Patrício, Xandão, Ínsua e Carriço (sendo que este não pode jogar na Ucrânia na quinta por castigo). Com tanta novidade, o Leiria em contra-ataque ia aproveitando as faltas de rotinas dos jogadores leoninos para fazer mossa, mas sem conseguir marcar.. aos poucos, o Sporting assentou o jogo e alguns jogadores procuravam dar nas vistas para lutarem pela titularidade (quem mais se destacou terá sido Arias, embora dificilmente roube o lugar a João Pereira). O Sporting falhou bastante, assim como a iluminação que obrigou a uma pausa de 10’ na segunda parte, já com alguns titulares em campo (Matias, Schaars e Wolfswinckel), o Sporting chegou ao golo da vitória aos 101’ (jogaram-se 14’ para lá dos habituais 90’). Vitória justa de uma equipa que não ganhava fora desde finais de Outubro (CINCO MESES) e não marcava golos fora desde meio de Janeiro (DOIS MESES E MEIO).

publicado por Spaceship às 16:42
Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Contador de Visitas
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
....sou benfiquista " desde pequenino", ouvi o rel...
Oferecido de empréstimo ao privadosEstou pronto pa...
Oferecido de empréstimo entre detalheSão detalhe n...
Calabote ter sido erradicado (pois se fosse irradi...
benfica é o lider como a aguea e ...
Este senhor quer tapar o sol com a peneira......ex...
Os portistas Saõ e serao sempre os mesmos m...
Ah caiu o mito porque tu o dizes? Makes sense.
E não vao ficar por aqui... este ano tb ja esta de...
Posts mais comentados
54 comentários
39 comentários
32 comentários
30 comentários
28 comentários
26 comentários
blogs SAPO